Vanessa Hudgens comenta polêmicas envolvendo James Franco em entrevista à InStyle

   30 janeiro, 2018       Carol Relva      Notícias  

Além de ser entrevistada pela revista HOLA!, Vanessa Hudgens também concedeu entrevista para a InStyle durante sua passagem pelo tapete vermelho da festa pre-Grammy organizada pela Delta Airlines, no dia 25 de Janeiro, em Nova York (saiba mais aqui).

A atriz foi questionada sobre James Franco, que recentemente recebeu acusações de assédio sexual por pelo menos cinco mulheres. Confira abaixo a matéria traduzida:

Vanessa Hudgens tem muito em reserva este ano enquanto ela se prepara para a estréia de dois filmes com grandes estrelas: Second Act com Jennifer Lopez e Milo Ventimiglia e Dog Days, onde entre as estrelas estão Nina Dobrev e Eva Longoria.

Na Quinta-feira, a InStyle conversou com a cantora-atriz no tapete vermelho da festa pre-Grammy da Delta, em Nova York, onde a jovem de 29 anos falou sobre as recentes alegações de assédio sexual contra seu antigo colega de cena James Franco.

Em 2012, Hudgens representou uma personagem memorável em Spring Breakers junto com Selena Gomez, Ashley Benson e Franco.

Quando questionada sobre as recentes alegações de assédio sexual contra a estrela de Disaster Artist, Hudgens compartilhou sua opinião.

“Eu apoio o que ele disse”, disse ela, se referenciando à declaração que ele fez no The Late Show with Stephen Colbert Late Night with Seth Meyers mais cedo neste mês.

“Ele está dizendo que as alegações são falsas mas ele apoia todas as mulheres se expressando porque elas não tinham uma voz antes, e o fato de que elas tem [voz]agora é uma coisa maravilhosa”, Hudgens continuou. “Ele apoia isso. Eu apenas sei que eu amei trabalhar com ele. Ele sempre foi muito respeitoso”.

Durante sua aparição no programa Colbert, Franco disse “… olha, na minha vida, eu me orgulho de tomar responsabilidade pelas coisas que fiz. Eu tenho que fazer isso para manter o meu bem-estar. Eu faço isso sempre que eu sei que algo está errado ou precisa mudar, eu marco um ponto para fazer isso.”

“As coisas que eu ouvi que estavam no Twitter não são verdadeiras, mas eu completamente apoio as pessoas se manifestando e poderem ter uma voz porque não tiveram por muito tempo”, ele continuou. “Então eu não quero, você sabe, calar eles em qualquer forma. Isso é, eu penso, uma coisa boa e eu apoio”.

E durante sua visita ao Late Night no dia seguinte, Franco continuou. “Como eu disse, existem histórias que precisam ser descobertas. Tem pessoas que precisam ser ouvidas. Eu tenho meu lado dessa história, mas eu acredito tanto nessas pessoas que foram sub-representadas contando suas histórias que irei segurar as coisas que eu poderia falar apenas porque eu acredito muito nisso”, ele disse. “Se eu tenho que receber uma crítica porque eu não irei tentar e contestar ativamente as coisas, então eu irei [receber crítica], porque eu acredito muito nisso”.

Tradução e adaptação exclusivas do Vanessa Hudgens Brasil. Se copiar, não esqueça os créditos!

Clique aqui para conferir a entrevista original.

Comentários