08.07.2013
Postado por Carol Relva

sb

O site Hey U Guys fez uma matéria sobre Vanessa Hudgens, falando seus papéis, desde o seu primeiro sucesso em High School Musical, até os próximos filmes que virão. Confira:

Por que é apenas uma questão de tempo antes de levarem Vanessa Hudgens a sério?

Apesar de apenas ter lançado dez filmes com seu nome nos créditos, Vanessa Hudgens é um nome conhecido tanto pela indústria tanto pelo mundo.

Sem dúvida, a trilogia de High School Musical é o grande motivo do porquê seu nome ser tão conhecido. Ela estreou no cinema com um pequeno papel em Thirteen com Catherine Hardwicke e Nikki Reed, e estrelou no fracassado Thunderbirds, em 2004. Mas foi em 2006 com High School Musical que realmente começou sua carreira.

Ela assumiu a liderança feminina de Gabriella Montez, o oposto de Troy Bolton (Zac Efron), e o resto é história. Dentro dos próximos dois anos haveria mais dois filmes de High School Musical, cimentando Hudgens como um ícone financiável para a Disney.

Mas ser um ícone financiável de High School Musical tem seus lados ruins. Por alguma razão, sempre haverão pessoas que irão associá-lo unicamente com esse papel, e por isso não serão capazes de acreditar em mais nada, não estando dispostos a dar uma chance de que você assumir papéis mais maduros.

No caso de Hudgens, esse julgamento é totalmente injustificável. E nos últimos anos, ela fez um fantástico trabalho em provar à ela mesma que é capaz de fazer muito melhor do que o que fez anteriormente.

Em muitos aspectos, isso começou com Sucker Punch, filme de Zack Synder. A fantasia sombria viu Hudgens assumir o papel de Blondie, uma dançarina profissional que é a mais durona de um grupo de jovens garotas.

Também foi por meio de Journey 2: The Mysterious Island, que rendeu um pagamento considerável para a Warner Bros no ano passado, e então, é claro, Spring Breakers de Harmony Korine.

Spring Breakers, de Harmony Korine, tem sido objeto de muitas discussões desde sua estréia ano passado em Veneza. Embora a maior parte das discussões tenham sido focadas no envolvimento de Selena Gomez no projeto, cuja imagem tem sido ainda mais estridente do que a de Hudgens já foi, eu sempre senti, desde que assisti ao filme no TIFF ano passado, que a performance de Hudgens nesse filme é a que realmente se destaca do quarteto jovem feminino.

Enquanto a personagem de Gomez, Faith, de fato, vai mais longe em suas ações do que já vimos Gomez ir no passado, é Candy, personagem de Hudgens, que realmente faz o filme para mim.

Spoilers a parte, é Candy que vai acima e além do que tínhamos visto anteriormente de Hudgens. Para mim, era mais do que suficiente para afastar qualquer rótulo que pudesse prendê-lá em seus dias de High School Musical.

Vanessa Hudgens estará em breve emprestando sua voz para a animação The Great Migration, ao lado de sua colega de High School Musical, Ashley Tisdale, mas seus próximos três filmes devem continuar a ganhar aprovação daqueles que ainda não se convenceram por seus muitos talentos como atriz (e uma atriz “séria”).

O primeiro é The Frozen Ground, que deve sair no próximo fim de semana no Reino Unido, e nos EUA no próximo mês. Vendo os últimos trailers me fez lembrar o motivo pelo qual foi um prazer assistir a progressão na carreira de Hudgens nos últimos anos.

No filme, baseado em uma história verdadeira, Hudgens interpreta uma ex-prostituta que é caçada pelo serial killer Robert Hansen (John Cusack) com apenas o sargento Jack Halcombe (Nicolas Cage) para ajudá-la a trazer Hansen à justiça.

Como em Spring Breakers, os trailers de The Frozen Ground são para mostrar uma Vanessa Hudgens diferente do visto antes do último filme de Korine. Mas não é apenas uma exposição por causa da exposição, é por uma questão de “sacudir” velhas imagens – esses personagens têm profundidade e uma história por trás, e o desempenho de Hudgens é uma das razões pelas quais estou ansioso para assistir The Frozen Ground.

Ela vai ser vista no final do ano no filme de Robert Rodriguez, Machete Kills. Naturalmente, não estou esperando que o filme vá dá para Hudgens nenhum Oscar. Mas o que o filme vai mostrar é como ela está disposta a sair de sua zona passada de conforto, e trabalhar com um diretor tão renomado como Rodriguez, e provavelmente muita diversão em trabalhar com um elenco tão estelar.

O primeiro trailer de Machete Kills deixou Hudgens fora de vista, e agora temos que definitivamente olhar para frente nos próximos meses. Com alguma sorte, um grande cartaz para sua personagem Cereza, virá à tona em breve.

E isso é o que nos traz à Gimme Shelter de Ron Krauss que está, atualmente, sem data de lançamento. Também baseado em uma história verdadeira, Hudgens estrela como uma adolescente que é forçada à ir para a rua quando vai em busca de seu pai empresário, com um esforço para evitar a vida de vício e prostituição de sua mãe.

Considerando que Machete Kills não sairá ganhando no termo de ser levada à sério (mas deve ganhar muito em termos de escolher papéis interessantes), a premissa de Gimme Shelter certamente parece que tem mais potencial nessa frente. O conjunto de fatos que vimos mostra uma Hudgens irreconhecível. Estrelando ao lado dela teremos Rosario Dawson, Brendan Fraser, Stephanie Szostak e James Earl Jonas, para fazer um elenco de apoio forte.

Tenho um pressentimento de que essa performance de Hudgens vai levá-la ao palco central, como um “make-or-break” para o filme, e que será o que vai torná-lo um drama brilhante, e muito possivelmente um candidato ao Oscar – algo que realmente levaria Vanessa Hudgens a ser levada muito a sério.

Os últimos anos têm mostrado buscas e buscas por diversos papéis, em direções completamente novas daquelas que lançaram sua carreira. E, assim, sinto que é apenas uma questão de tempo antes que as pessoas tomem Vanessa Hudgens a sério. Ela é uma atriz talentosa, que, para melhor ou pior, encontrou o estrelato na Disney. Foi um ponto de partida fantástico para alavancar sua carreira – eu, por exemplo, não tenho vergonha em admitir que ela estava bem nos filmes – e tem sido fantástico ver os papéis que ela escolheu desde então. Tenho todas as razões para acreditar que virá o dia que Vanessa Hudgens será a Penélope Cruz / Maggie Gyllenhaam de sua geração.

Fonte: Hey U Guys
Tradução & Adaptação: Equipe Hudgens Brasil

Categorias: Notícias

This post discussion is closed.

Pesquisar

Assista Vanessa Hudgens
APOIO
Vanessa Hudgens Brasil Todos os direitos reservados